M-26 - Entre As Ruínas do Caos Şarkı Sözleri

Relâmpagos rasgam o manto negro que não brilha mais
A chuva fina que cai sobre teu rosto traz a lembrança de alguém
Os caminhos levam a você, os trovões anunciam seu fim...
Dor Sofrimento Lágrimas Loucura
Lânguida dança de sangue
A dor da batalha perdida
Lambe da lança esse sangue
Pois ele é a fonte da vida
A lua cheia, o medo crescente
Vida minguante, uma nova batalha
Tinge de vermelho sangue os verdes campos
A ponta da lança, o fio da navalha
Dor Sofrimento Lágrimas Loucura
Entre as ruínas do caos
Medo no teu olhar
Palavras lançadas ao ar
Frases ditas por quem
Entre as nuvens o sol
Entre as ruínas do caos
Medo no teu olhar
Em meio à tempestade você verá seus sonhos
Se transformarem em pesadelos horríveis
E quando ela passar,
Você sentirá que isso foi terrivelmente real
E sentirá prazer ao ser possuído por um ódio incomensurável
Você sentirá sua vida se esvair por entre seus dedos frágeis
E mesmo assim irá dementemente sorrir
E cairão gotas de seu sangue puro sobre esse solo fétido onde
andas
E você verá que não mais existem as flores que plantaste no
jardim
E o céu, uma vez mais, se tinge de vermelho e negro
E as nuvens gotejam suas lágrimas, uma vez mais, sobre teus
sonhos
E em meio à tempestade sua alma clama e em quimera queima
Em um lago sombrio e profundo
Como sua alma está, irá refletir sua face disforme
E as lembranças, uma vez mais, se perderão
No escuro de sua mente
Como as folhas secas...
Relâmpagos rasgam o manto negro que não brilha mais
A chuva fina que cai sobre teu rosto traz a lembrança de alguém

Os caminhos levam a você, os trovões anunciam seu fim...
Bu şarkı sözü 187 kere okundu.